Páginas

sábado, 21 de julho de 2012

SAUDADES


















Fotografia by ELIO ABE


SAUDADES

Sinto saudade de você
De cada traço do seu rosto
Das suas mãos nas minhas
Do seu corpo

Daquele carinho tão seu
E de seus beijos
Às vezes roubados
Agora guardados

Pérolas raras meu amor
Que ficaram no caminho
Da vida

De que servem saudades
Quando a voz se embarga
Num soluço incontido
Não posso e não quero
Sonhar mais contigo

Estou velho cansado sofrido
O que vou fazer da minha vida agora
Que não estás aqui
Se aproxima o tempo
De voltar para ti



VitorioGil


2 comentários:

  1. Me identifiquei com esses versos.. muito bem escolhidos, lindos e tristes..

    ResponderExcluir