Páginas

sábado, 23 de outubro de 2010

PRELÓQUIO

Prelóquio



E eu me descuido vivendo em você...

Sim é verdade, você tem tudo.

Inclusive meus pensamentos.

Duas vidas: Uma que vivo

e outra que invento.

Em uma, me bastam às horas...

A vida inventada me arrasta lascivo

aos teus beijos, meu desejo.

Treme o teu corpo colado ao meu

Alimentando meu ego com teus sabores

Abortando rotinas do meu tédio.

Em uma das vidas, vivo sem caminhar.

A outra inventada só pra te amar...

Como te quero?

Quero-te louca!

Ardente, pulsando sem razão aparente

Inventando outras vidas

Em mim...

Naturalmente.



Yon Rique

4 comentários:

  1. Yon...saudades dele...de seus poemas inconfundíveis...
    Bela homenagem, Má... acho que de lá de onde ele estiver, estará agradecido e feliz por você ter postado um dos seus mais belos poemas....
    beijos , querida maninha!!!

    Marilis

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida!
    Vim aqui conferir o Yon, matar a saudade... dá pra ver o retrato de uma ardente paixão neste poema, que lindo!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Un día le dijo el amor a la amistad....
    porque existes tú, si ya estoy yo?
    ...La amistad le contestó...
    Porque yo llevo una sonrisa.
    Donde tu sólo dejas lágrimas...
    Te deseo un feliz día lleno de sensaciones
    positivas.
    Un beso desde la distancia de tú amigo.

    http://unmundopoetico29.blogspot.com/

    ResponderExcluir